Boulevard > Apresentações Artísticas
 
Celebração à literatura no Sesc 
 

Revelar novos talentos e promover a literatura nacional são propósitos do Prêmio Sesc de Literatura. Lançado pelo Serviço Social do Comércio (Sesc) em 2003, o concurso identifica escritores inéditos, cujas obras possuam qualidade literária para edição e circulação nacional. Para fortalecer esse vínculo com a literatura, pela primeira vez o Sesc promove na capital paraense a cerimônia de lançamento dos livros premiados no Prêmio  Sesc de Literatura 2017, no dia 07/12, às 19h. A entrada é franca.

 No evento, os escritores vencedores da edição deste ano João Meireles e José Almeida Junior participam de bate-papo e apresentam suas obras publicadas pela editora Record, parceira do prêmio. E, em seguida haverá uma leitura dramática de fragmentos do romance  " Última hora" e   " o Abridor de Letras" por  Ester Sá e Jorge Ney.  

Além de incluir os autores em programações literárias do Sesc, o Prêmio também abre uma porta do mercado editorial aos estreantes: os livros vencedores são publicados pela editora Record e distribuídos para toda a rede de bibliotecas e salas de leitura do Sesc em todo o país. Mais do que oferecer uma oportunidade a novos escritores, o Prêmio Sesc de Literatura cumpre um importante papel na área cultural, proporcionando uma renovação no panorama literário brasileiro.

O potiguar José Almeida Junior e o paulistano, radicado em Belém, João Meirelles Filho são os vencedores do Prêmio Sesc de Literatura 2017, nas categorias Romance e Conto, respectivamente. Os dois autores concorreram com os livros “Última Hora” e “Poraquê e Outros Contos”, que superaram outras 1.793 obras inscritas, sendo 980 romances e 813 contos.

Desde 2003, o Prêmio Sesc de Literatura escolhe um romance e um livro de contos ainda inéditos, de autores ainda não publicados. os vencedores terão suas obras publicadas pela editora Record, com tiragem inicial de 2 mil exemplares. A avaliação ficou por conta de uma comissão especializada formada pelos escritores e críticos literários Andrea del Fuego, Luis Rufatto, Sidney Rocha e Ronaldo Correa de Brito.

Vencedor da categoria Romance com “Última Hora”, o potiguar José Almeida Júnior, de 34 anos, é natural de Mossoró (RN) e reside em Brasília há 10 anos, onde exerce o cargo de Defensor Público do Distrito Federal. O romance é uma narrativa histórica, que retrata o jornal fundado por Samuel Wainer, sob o ponto de vista de um repórter ficcional torturado no Estado Novo.

Ativista ambiental e empreendedor social, João Meirelles Filho, 57 anos, é o ganhador da categoria Conto com “O abridor de letras”. Nasceu em São Paulo e há 13 anos vive em Belém do Pará. Com oito contos, a obra representa a sua primeira incursão no campo da ficção depois de trinta e cinco anos como escritor. Em comum, trata da relação do homem e o desconhecido na Amazônia – seja diante do impacto de mudanças climáticas, seja das encantarias. O autor se interessa pelos que vivem na fronteira, onde as questões estão por resolver e a natureza predomina.“O prêmio foi uma grande surpresa, revestida de imensa responsabilidade. Nunca concorrera a prêmios de ficção e não imaginava imediato resultadoA responsabilidade é para quem mora há pouco mais de uma década na Amazônia e é um aprendiz sobre a sua gente, sua cultura e natureza.  Morando aqui, com minha mulher, Fernanda Martins, deparei-me com uma riqueza muito maior que aquela percorrida nas páginas dos livros. Atrai-me, em especial, o mundo ribeirinho e, no último ano, resolvi tratar deste tema de maneira diversa daquela que a militância ambiental e contra a exclusão social oferece. O contraste entre a Amazônia urbana e colonizada daquela genuína é o que me move a escrever”, afirma João.

            O Prêmio sesc de Literatura é uma porta para a difusão da literatura  no Brasil e um mecanismo de fortalecimento do setor literário, além de servir de estímulo à leitura e à produção.  Em 2017 o  Pará teve mais de 30 inscritos no prêmio e, pela primeira vez, um ganhador.

 

Serviço:

Prêmio Sesc de Literatura

Belém

Dia: 07/12/2017

Hora: 19h

Local: Centro Cultural Sesc Boulevard (Boulevard Castilho França, 522/523)

Informações:  (91) 3224-5654/3224-5305 (Centro Cultural Sesc Boulevard)

                       (91) 4005-9584 / 4005-9587 (Coordenação de Comunicação do Sesc no Pará)

Entrada Franca

cecomsescpa@gmail.com

 

Facebook: Sesc Boulevard

 

 
 
Publicado em 04/12/2017
 

  Matérias Relacionadas:


SEDE ADMINISTRATIVA

Sesc - Serviço Social do Comércio
Av. Assis de Vasconcelos, nº 359 6º andar
Bairro Campina - CEP: 66010-010
Belém - Pará

 

Central de Atendimento: (91) 4005 - 9519
protocolo@pa.sesc.com.br

 

FALE COM O SESC


Serviço Social do Comércio — Departamento Regional do Pará       www.sesc-pa.com.br   Todos os direitos reservados